sexta-feira, 3 de julho de 2015

Reconquiste o cliente perdido

Por mais que você capriche nas suas campanhas de emailmarketing, sempre existem aqueles clientes que simplesmente deixam de dar bola para as suas mensagens e deletam sua newsletter sem dó nem piedade, antes mesmo de abri-las. Com as ferramentas de relatório e monitoramento disponíveis, é possível identificar esses clientes – e tentar reconquistá-los!

Quando um contato deixa de abrir suas newsletters por mais de três meses, ou cinco disparos, você já pode considerá-lo inativo. Mas depois de tanto trabalho para conquistá-lo (ou seja, fazê-lo assinar a sua newsletter), você não vai deixá-lo ir assim, sem pelo menos tentar ganhar o seu engajamento novamente, correto?

Esse é o momento certo para mandar aquele tradicional e-mail de “sentimos sua falta”. É hora de mandar uma oferta sensacional (e personalizada, de acordo com os seus interesses), de oferecer um cupom de desconto ou um frete grátis. Assim você mostra que sua empresa também está engajada na tarefa de reconquistá-lo e ganha a sua simpatia. Com sorte (e a capacidade de mandar a oferta certa na hora exata) você também gera uma conversão.

O e-mail para reconquistar o cliente perdido é simpático, e pode garantir que aquele consumidor que havia esquecido da sua empresa volte a se engajar com o seu conteúdo, abrindo as mensagens, compartilhando as ofertas com os amigos e, finalmente, fazendo a compra tão desejada.

Mas, se mesmo assim, o cliente não abrir a sua mensagem, talvez seja hora de deixá-lo ir. O disparo de mensagens para consumidores inativos pode reduzir a reputação do seu remetente e do servidor, o que vai prejudicar as suas campanhas no futuro.

Portanto, fique sempre de olho nos relatórios dos seus disparos. Envie aquela mensagem cheia de carinho na hora de reconquistar os clientes, mas se mesmo assim você não tiver o resultado esperado, deixe-os ir. 

quarta-feira, 1 de julho de 2015

Pós-venda: Ouça o seu cliente

A gente já falou aqui sobre como é importante estimular a interatividade com o seu cliente através do email marketing. Seja através de enquetes ou de perguntas diretas, as pessoas gostam de se sentir parte atuante da comunidade de consumidores e amigos da sua empresa. Mas não restrinja o seu canal de comunicação com o consumidor para o momento em que quer vender o seu produto ou serviço. O diálogo no pós-venda também é importantíssimo!

Através do feedback do seu cliente você pode controlar todo o processo de venda da sua empresa e saber onde pode melhorar. A experiência de compra foi boa? A entrega funcionou conforme combinado? O produto agradou? O cliente precisa de mais informações após a compra ou contratação do seu serviço? Faça uma lista dos itens que precisa checar, prepare as perguntas certas e bingo, você tem todas as informações que precisa – e ainda ganha pontos com o seu consumidor, que vai adorar saber que você tem essa preocupação.

A melhor maneira de fazer essa aproximação com o cliente no pós-venda é através do email marketing.  Organize uma campanha para ser disparada alguns dias após a entrega do seu produto e dê ao consumidor a chance de ser ouvido por você – o que, além de tudo, diminui as chances dele reclamar em outros canais caso alguma coisa tenha dado errado na compra.

Peça ao seu consumidor que avalie o site, a entrega, a embalagem, e tudo mais que considerar relevante. Hotéis, por exemplo, perguntam sobre todos os aspectos da hospedagem, desde o check-in até o check-out.

Aproveite também esse momento para fidelizar o cliente. Para estimulá-lo a responder a pesquisa e a voltar para a sua loja, ofereça vantagens como cupons de desconto ou frete grátis. Dessa maneira todo mundo ganha! 

quinta-feira, 25 de junho de 2015

Parabéns pra você, que manda mensagem de feliz aniversário pro seu cliente!

Com as possibilidades de personalização de suas campanhas de e-mail marketing, tem uma data que você simplesmente não pode deixar passar em branco: o aniversário do seu cliente. Além de ser um carinho e uma gentileza que ele jamais vai esquecer, a sua mensagem no momento certo pode ser uma excelente ferramenta para gerar engajamento e conversões.

Não perca essa oportunidade de estreitar o relacionamento da sua empresa com o consumidor aniversariante, afinal, quem não gosta de ser lembrado nessa data? Uma pesquisa realizada pela Experian, chamada “The Birthday and Anniversary Report”, constatou que o e-mail marketing enviado no dia do aniversário tem em média 300% mais cliques e números 235% maiores na taxa de abertura.

Mas atenção ao conteúdo do seu e-mail: seja agradável e engraçadinho no texto, mas não se esqueça de que todo mundo gosta de ser mimado no aniversário. Logo, é fundamental oferecer um presente ao seu consumidor: seja um desconto, frete grátis ou um brinde nas compras, certifique-se de ter algum diferencial real na sua campanha. Muitos consumidores, inclusive, deixam de comprar nos dias anteriores ao aniversário para esperar as vantagens que chegam na caixa de entrada. Faça jus a essa expectativa!

Porém, não esqueça da regra de ouro: no dia do aniversário, o destaque da sua newsletter deve ser sempre o aniversariante. O foco não deve estar no produto ou serviço que você está oferecendo, mas sim em como esse produto ou serviço podem tornar a data ainda mais especial para quem está comemorando mais um ano de vida.

Se você já mantém um banco de dados com as datas de aniversário de seus clientes e tem o costume de mandar e-mails nessa data, parabéns! Se ainda não adotou esse hábito, faça logo e perceba a diferença nas suas conversões. 

quarta-feira, 24 de junho de 2015

Estimule a interatividade no seu e-mail marketing

Quando pensamos em uma campanha de e-mail marketing a primeira coisa que vem à mente é o resultado imediato: o clique, a compra, o cadastro. Mas com um pouco de criatividade é possível usar essa ferramenta também para gerar engajamento e tornar sua marca mais conhecida pelos consumidores. Afinal, mesmo que ele não vá comprar nada nesse exato momento, você quer que a sua marca seja a primeira lembrança quando o assunto é a sua área de atuação, certo?

Nossa dica é pensar em campanhas interativas para o e-mail marketing. As pessoas adoram ter suas opiniões levadas em consideração pelas empresas, assim como adoram ter um momento de pausa na rotina para um jogo ou brincadeira divertida. Envolva o consumidor no universo da sua marca, e veja os resultados se multiplicarem.

Mas como fazer isso?

- Peça a opinião do seu cliente
A pessoa que recebe a sua mensagem pode ser a sua melhor fonte de conhecimento para aprimorar as suas campanhas. Mas pense além das pesquisas de satisfação do consumidor: promova enquetes simples e divertidas, que estimulem a participação dele.

- Ensine
Que tal fazer vídeos e/ou tutoriais ensinando o seu cliente a usar o seu produto? Se você atua no ramo alimentício, ofereça receitas. Se você tem uma pet shop, dê dicas de como manter o animal saudável. Se seu negócio são roupas, experimente fazer um vídeo com um especialista dando dicas de moda. Sua taxa de cliques vai aumentar de maneira impressionante.

- Dê opções
Pense em landing pages para cada estilo de cliente. E ofereça a ele a oportunidade de clicar no lugar exato para encontrar o produto ideal. Por exemplo: se você vai enviar uma newsletter para promover a venda de televisores, que tal perguntar o tamanho da sala do seu consumidor para oferecer a ele um equipamento com o tamanho ideal?

- Entretenha
As pessoas não resistem a joguinhos, quizzes e listas divertidas, como as publicadas pelo Buzzfeed. Pense em uma maneira de integrar esse tipo de conteúdo às suas campanhas e veja o engajamento em torno da sua marca crescer!

terça-feira, 23 de junho de 2015

E-mail de boas vindas: adote essa prática!

Quando você recebe uma visita em sua casa pela primeira vez você deseja boas vindas a ela, certo? Pois essa cortesia pode – e deve – ser estendida para a sua campanha de e-mail marketing. Uma mensagem de boas vindas assim que o seu cliente faz opt-in é simpático e pode gerar um grande engajamento.

Reunimos aqui uma série de dicas para que esse primeiro contato seja extremamente proveitoso para ambas as partes, remetente e destinatário:

- Seja rápido
Envie o e-mail de boas vindas assim que o seu cliente fizer o opt-in no seu mailing. Na internet tudo acontece muito rápido, então é aconselhável causar uma boa primeira impressão rapidamente, enquanto o interesse do seu consumidor por sua empresa ainda é lembrado por ele.

- Seja sutil
Ok, o cliente sabe, você sabe e todo mundo sabe que o seu objetivo é fazer a conversão. Mas não saia soterrando o seu novo contato com ofertas e botões de call-to-action. Seja sutil e gentil nessa primeira mensagem.

- Apresente a empresa
Aproveite esse primeiro momento para apresentar a sua empresa, suas vantagens e benefícios. Se o seu cliente se torna assinante de um serviço, mostre a ele todos os caminhos para as perguntas frequentes, SAC, etc.

- Ensine
O e-mail de boas vindas é um bom momento para você ensinar ao seu cliente tudo que ele precisa saber para utilizar os seus serviços. Ensine a fazer buscas, a encontrar a informação ou produto que precisa, a utilizar cupons de desconto... ensine tudo, de maneira clara e objetiva.

- Seja generoso
O opt-in espontâneo é uma dádiva! Seja grato e gentil com o seu novo contato, oferecendo vantagens a ele na primeira compra. Pode ser frete grátis, um cupom de desconto ou outra regalia. É uma excelente forma de causar uma boa impressão, e possivelmente gerar uma conversão.

sexta-feira, 19 de junho de 2015

E-mail marketing em números

Muitos profissionais têm dúvidas sobre a importância do e-mail marketing na estratégia digital de suas empresas. Porém, as newsletters são uma ferramenta que podem ter uma alta taxa de conversão, quando utilizadas corretamente. Acompanhar o nosso conteúdo para otimizar suas campanhas é uma excelente maneira de criar campanhas altamente eficazes e ter um ROI (retorno sobre investimento) bastante satisfatório.

Caso você ainda tenha dificuldades em justificar o investimento em campanhas de e-mail marketing, a gente pesquisou e fez uma lista de números impressionantes sobre a capacidade de penetração das mensagens. Confira:

- 92% dos usuários da internet têm pelo menos uma conta de email, gratuito ou não;
- Existem mais de 3,5 bilhões de contas de emails criadas no mundo inteiro. (o número de contas de e-mail ainda supera com folga o número de perfis em redes sociais, por exemplo);
- 72% dos usuários de e-mail checam as suas caixas de entrada de emails pelo menos seis vezes durante o dia. Muitos permanecem com o e-mail aberto durante todo o dia, sem fechar em nenhum momento;
- 38% dos usuários abrem seus e-mails exclusivamente em dispositivos móveis, como celulares e tablets;
- ROI: A cada R$ 1 investido, R$ 44,25 é o retorno médio na estratégia de email marketing.
- 44% das pessoas que recebem emails promocionais realizaram ao menos uma compra em 2012;
- E-mails personalizados com o nome do destinatário aumentam o número de cliques em até 14%;
-  69% dos usuários citam que o envio muito frequente de e-mails é a razão número 1 para descadastrarem seu email;
- Estatísticas de 2012 apontaram que o email marketing teve um ROI (Retorno Sobre Investimento) de 4000%;
- Cerca de 50% de uma lista de email se manterá ativa para sempre– abrindo ou clicando em emails.

terça-feira, 16 de junho de 2015

Como iniciar uma campanha de e-mail marketing

Ok, você decidiu que vai implementar o e-mail marketing como parte de sua estratégia digital. Parabéns! Mas isso não é o suficiente para ter sucesso em sua campanha. Você precisa elaborar uma estratégia, para garantir que sua mensagem vai chegar nas pessoas certas, e da maneira certa. Criar uma estratégia de e-mail marketing não é nenhum bicho de sete cabeças, mas exige um pouco de tempo e conhecimento do seu público-alvo. 

Confira o nosso check-list e veja se a sua campanha já está pronta para ganhar as ruas – e as caixas de entradas de seus clientes:

Defina seus objetivos
O que você pretende com sua campanha de e-mail marketing? Fazer relacionamento com os consumidores? Se firmar como especialista em sua área de atuação? Vender, pura e simplesmente? Com essa informação em mãos, fica mais fácil definir os moldes de sua newsletter.

Conheça o seu público
Também é fundamental saber para quem é destinada a sua campanha. Quem vai receber o seu e-mail? Clientes fiéis? Novos clientes? Parceiros de negócios? Para cada um desses públicos o tom da sua newsletter muda completamente. Saiba com quem você está falando.

Tenha uma identidade visual única e marcante
Definidos os dois primeiros pontos, é hora de criar a identidade visual da sua campanha. Seja coerente com a proposta de sua empresa e da sua mensagem. Utilize fontes comuns, encontradas em todos os sistemas, para não correr o risco de ter sua mensagem modificada.

Capriche no assunto
Já mencionamos aqui anteriormente a importância de uma linha de assunto eficaz e direta. Você deve transmitir sua mensagem em cerca de 50 caracteres, e é essa mensagem que geralmente leva o consumidor a decidir se vai abrir o seu e-mail ou não.

Defina a periodicidade
A frequência de envio de e-mails pode ser decisiva no sucesso da sua campanha. E-mails muito frequentes assustam os consumidores, mas e-mails muito escassos também podem fazer com que sua empresa seja esquecida. Verifique sempre os resultados de seus disparos para encontrar a fórmula perfeita para a sua empresa.